Análise Coop – Resident Evil Revelations 2 (PS3/PS4)


Resident-Evil-R2Esta análise faz parte do Projeto Local Coop PS3 / PS4. Acompanhe os jogos clicando aqui.

Survivor Horror de volta em grande estilo

Quando uma franquia de games se afasta muito daquilo que originalmente a fez ser reconhecida e criar uma base de fãs, qualquer menção a trazer elementos mais clássicos já deixam os jogadores satisfeitos.
resident_evil_revelations_2_by_albertxexcellalover-d88fyjfAcredito que tenha sido isso que aconteceu com os jogos da série Revelations, spin-off de Resident Evil.

Com esse subtítulo a Capcom utiliza a engine do seu jogo mais recente da série principal para criar um game que se foca mais na exploração e sobrevivência, não chega a ser um adventure com câmeras pré-posicionada e jogabilidade tanque, como os antigos, mas também não é tão focado na ação como os jogos desde o episódio 4.

A Capcom apresenta, inclusive, histórias de personagens consagrados, que por alguma razão estão afastados da franquia principal. Por exemplo, Resident Evil Revelations 1 coloca o jogador no controle de Jill Valentine e Chris Redfield, em histórias que se passam entre os episódios 4 e 5, já Revelations 2 traz Claire Redfield e o esquecido Barry Burton em uma aventura que se passa entre os episódios 5 e 6.

Focando agora no objeto de nossa análise, Revelations 2 mostra como Claire Redfield e Moira Burton (filha de Barry), membros da organização Terra Save, focada em proteger a paz, principalmente contra bioterrorista ( evitando novos incidentes como Raccoon City), são sequestradas e levadas para uma ilha, onde são constantemente testadas e observadas, no melhor estilo Jogos Mortais.

claire_moira_003_1410347821-e1424822944546

Barry Burton parte para salvar sua filha e ao chegar na ilha se depara com a pequena Natália, uma garotinha que parece ter poderes sensitivos e que vagava sozinha na ilha.

resident-evil-revelations-2-145

A ilha esconde experimentos feitos a anos e que, como sempre, tem relação com a Umbrella Corporation e com a Tricell, como visto em Resident Evil 5. Por essa razão está repleta de monstros, mutantes e zumbis (que são infectados com experimentos que lembram o Uroboros e o Las Plagas.)

São com esses 4 personagens, citados anteriormente,  que o jogador precisa jogar e cuidar para que sobrevivam até o final da aventura.

O controle de jogo lembra muito o de Resident Evil 6, porém nesse jogo a movimentação está mais limitada, o que combina mais com os ambientes fechados e cenários mais claustrofóbicos.

re rev2 splitscreen

O jogo foi criado para ser jogado de forma cooperativa, é tão focado nesse aspecto que mesmo jogando em single player é necessário alternar entre os personagens para se conseguir prosseguir.

maxresdefault

Quando jogando com Moira e Claire, o jogador que estiver com a filha de Burton não poderá usar armas de fogo, Moira tem algum trauma de infância que a impede de conseguir atirar, por conta disso ela fica a cargo da exploração, Moira tem uma lanterna que ilumina itens secretos pelo cenário e um pé-de-cabra, que utiliza para golpear e finalizar os monstros e para abrir baús de itens secretos. Já Claire continua sendo a mesma “badass” que vimos em Code Veronica X, sendo ela responsável pelo combate armado contra os inimigos, utilizando clássicas handguns, shotguns e submetralhadoras. Vale dizer que mesmo com armas de fogo, o jogo invoca uma aura de survivor, já que os inimigos são muito resistentes e a munição não é abundante. Então não é incomum que mesmo o jogador que está com Claire tenha que atacar com a faca para poupar munição.

RESIDENT EVIL REVELATIONS 2_20150304211000

Jogando com Barry e Natália o game trás referências e inspirações claras no melhor jogo de Survivor da atualidade, The Last of Us, Barry tem menos munição que Claire e inimigos mais poderoso estão em seu caminho, porém é possível usar o poder de Natália para ver a silhueta dos monstros através das paredes, e então poder atacar de modo stealth, poucos são os cenários em que Barry já chegará atirando e poucas as situações que exigem esse tipo de ação.

t9li0zeeircp2anrnl3t

Natália pode também sentir itens diferenciados e visualizar inimigos que são invisíveis, dando coordenadas a Barry para que ele possa derrotá-los.

Falando em inimigos, o jogo está repleto deles. Claire e Moira enfrentam infectados mais simples, enquanto Barry se depara com experimentos e mutações mais poderosas, os inimigos invisíveis que citei no parágrafo anterior são os destaques, pois matam apenas ao encostar no jogador, um pesadelo.

Existem chefes baseados em Resident Evil 5 e por trás de toda grande trama de RE, sempre há um Wesker, e nesse jogo não é diferente.

resident_evil_revealtions_2_ep_3-2

45Tx46W

O jogo ainda conta com cenários em que são necessários resolver puzzles, algo que há muito tempo era pedido em Resident Evil, os enigmas são interessantes e bem elaborados. Não são tão complicados como os antigos jogos, mas trazem um pouco de desafio, assim como o cenário da Ada Wong em RE 6.

O jogo é dividido em episódios, seguindo uma crescente moda iniciada pela Telltale Games com seus Adventures de Walking Dead, porém para esse jogo o formato é bem vindo, delimitando o gameplay em situações chave e deixando o game mais dinâmico e interessante.

Barry_Rotten_1417447805-Copy

Em tempos onde temos que nos contentar com os jogos de ação da série principal e terríveis Spin-Off, como Umbrella Chronicles e Operation Raccoon City, a série Revelations vem nos dar esperança de que Resident Evil pode voltar a seus dias de glória, em survivors bem elaborados, tão bem explorados por jogos como Dead Space e The Last of Us.

revelations-2-raid-mode-4

Uma coisa é certa, não há nenhum jogo na série que seja tão bom e necessário em Coop do que esse Revelations. Fortemente recomendado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s